JESUS

Desculpe pela bagunça, o blog está em manutenção voltará em 2015 com novidades!!!

Desculpe pela bagunça, o blog está em manutenção voltará em 2015 com novidades!!!
Um beijo!

Desejo a você e sua Familia!!!! Um Feliz Natal...

Desejo a você e  sua Familia!!!!  Um Feliz Natal...

Desejoa você!!!Que o louvor entre no seu coração!

Desejoa você!!!Que o louvor entre no seu coração!

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

História : O Rei Salomão

Salomão era filho do rei Davi. E Davi tinha morrido. E agora ele tornou se rei no lugar de seu pai.

Mas Salomão não ficou contente com isso. Pois ele queria ser um bom rei. Queria cuidar bem de todas as pessoas, de todo o povo de Israel. O povo de Israel tornara se enorme e ele próprio ainda era tão jovem.

Salomão pensou: Esse cargo e muito difícil para mim. Não sou sábio e inteligente. Ainda não posso ser um bom rei.

E por isso todos os dias ele andava com cuidados e receios.

Mas certa vez aconteceu alguma coisa maravilhosa.

Salomão tinha oferecido um sacrifício ao Senhor. Depois foi dormir. E enquanto dormia, Deus falou com ele.

Deus disse: “Salomão, Eu quero dar-te alguma coisa. Tu podes escolher o que gostarias de ter. E seja o que for que escolheres, tu o receberás!”.

Salomão achou isso maravilhoso. Que devia ele escolher agora?

Que ficasse rico? Ou que se tornasse forte e poderoso? Ou que tivesse uma vida longa?

Não, nada disso. Salomão só pensou em que ele tanto queria ser um bom rei.

E pediu: “Senhor, dá-me um coração sábio, para que eu possa ser um bom rei”.

O Senhor disse: "Essa é uma boa escolha, Salomão. Far-te-ei ser tão sábio e inteligente como nunca homem algum o foi. E por teres feito uma escolha tão boa, vou fazer-te também rico e forte e poderoso. E se fores sempre obediente, dar-te-ei também uma vida longa.”

Aí Salomão acordou.

E agora já não sentia mais cuidados e receios.

Agora achou bonito ser rei, porque sabia que seria um rei bom.

Certa vez, o rei Salomão estava em seu palácio. Aí entraram duas mulheres. Elas tinham uma questão entre si. E agora o rei tinha que dizer qual delas tinha razão.

Cada uma das mulheres tinha um filho.

Uma dessas crianças olhava para o mundo com olhos risonhos. Estava viva e sadia. Mas a outra criança tinha os olhos fechados e jazia quieta e pálida nos braços da mulher. Esta criança estava morta.

“A criança viva pertence a mim”, disse uma das mulheres.

“Isso não é verdade, é minha”, disse a outra.

Salomão disse: “Contem-me tudo.”

E uma das mulheres contou: “Oh rei, ela e eu moramos juntas numa casa, e dormimos no mesmo quarto, e cada uma tem uma criança. Mas esta noite morreu uma das crianças. O filho dela morreu, rei. A criança morta é a dela, e a criança viva é a minha.”

Mas a outra mulher disse: “Não, a criança viva é minha, e a morta é dela.”

“Eu quero a criança viva, porque sou a mãe”, gritou uma.

“Não, eu sou a mãe, eu quero a criança”, gritou a outra.

Assim estavam todos ali e ninguém sabia quem tinha razão. Mas Salomão tinha que saber. Ele devia dizer quem iria ganhar a criança viva.

Salomão perguntou: “Então, vocês querem ambas ter a criança viva?”

“Sim, rei”, falou uma.

“Sim, rei”, falou a outra.

E então Salomão disse uma coisa estranha, com a qual todos se assustaram. Ele falou: “Pois bem, então vamos cortar a criança viva pelo meio, então cada uma de vocês receberá a metade”.

Não era o plano do rei de fazer realmente isto. Mas ele disse isso com muita seriedade, ele fez de conta como se fosse tal seu plano. Ele chamou um empregado com uma grande espada e disse: “Corte a criança pelo meio”.E o empregado pegou a criança e levantou a grande espada. Mas então uma das mulheres começou a chorar amargamente.

“Não faça isso!” gritou ela. “Não faça nenhum mal à criança! Só quero que meu filho continue vivo!”.

Mas a outra mulher não se afligiu pela criança. Ela disse: “Bem, corte-a pelo meio, então nós duas não temos nada”.

Aí o rei sabia quem era a mãe. Ele disse: “Dê a criança à primeira mulher, porque ela a ama. Esta é a mãe”.

E a mulher recebeu a criança viva e, feliz, foi para casa com o filhinho no braço.

E todos diziam: “Como é sábio e inteligente o nosso rei!”

Salomão ficou sendo rei por muito tempo. Ele cuidou bem de seu povo. Ele fez as pessoas de sua terra viverem felizes,

Ele também construiu um lindo templo. Isso era uma casa para Deus, o Senhor, uma igreja bem grande. E para este bonito templo vinham as pessoas de todo o país, para oferecer sacrifícios e fazer oração.

   Recheie sua história com atividades

Nenhum comentário:

Postar um comentário