JESUS

Desejoa você!!!Que o louvor entre no seu coração!

Desejoa você!!!Que o louvor entre no seu coração!

quinta-feira, 24 de março de 2011

Historia : Arca de Noé

 Noé,um homem que obedeceu a Deus

Genises : Capitulos 6,7,8,9

Há milhares de anos,numa terra bem distante,vivia um homem chamado Noé.Noé e sua familia eram felizes,porque amavam a Deus.
Mas nem tudo na cidade onde Noé morava era bom.As pessoas brigavam e faziam muitas coisas más.
Um dia .Deus ficou cansadíssimo de ver a terra que Ele tinha criado sendo tão maltratada pelos moradores,e os  homens os quais Ele havia feito com tanto amor,serem tão maus.
Então Deus descidiu destruir a terra com uma chuva bem forte...o "Diluvio".
Mesmo estando triste com os moradores da terra . Deus se lembrou de Noé,que era um bom homem,e prometeu que salvaria ele e sua família.
Para isto.Ele ordenou:
"Noé,construa um barco bem grande e entre nele com os seus filhos,suas filhas,netos e seus parentes".
Também coloque destro desta Arca um casal de cada animal que há sobre a terra.E assim,Noé o fez.
Mas enquanto ele construia o grande barco,as pessoas riam e chamavam de louco.
"Chover",que idéia absurda!!!Nunca choveu...diziam alguns.Mas Noé continuava alertando os homens sobre o que ira acontecer.
Foi uma chuva muito forte,que transbodou os rios,encobriu casas e montanhas.
O povo mau desesperado e com medo,pediu socorro a Noé.Mas ele não podia abrir a arca.Era tarde demais.
O dilúvio durou 40 dias,e todos que vivivam na terra morreram.Menos Noé,sua familia e  um casal de cada animal,que ficaram por todo este tempo seguros dentro da arca.
Quando a chuva parou ,as águas baixaram e eles sairam do barco,e Noé agradeceu a Deus.
Deus o abençoou e fez uma aliança: disse que nunca mais a terra seria destruida por dilúvio.
Ele então colocou no céu um lindo arco-íris,como um sinal,para que toda as vezes que olharmos para o arco colorido entre as nuvens,estejamos nos lembrando da sua promessa.
 

                                Recheie sua história,com atividades
                        

Nenhum comentário:

Postar um comentário